Luiza Possi    

Agora Já É Tarde

Letras Luiza Possi / Agora Já É Tarde

Agora Já É Tarde

Luiza Possi

Agora já é tarde,
não tem 'depois' nem 'antes'
nem planos nem bagagens
o mundo só mudou de cor

Durante a tempestade,
relâmpagos distantes
revelam a passagem
da escuridão pro esplendor

O tempo é tão covarde,
o sol do dia vai se pôr,
mas o fogo ainda arde
nos corações gigantes,
faz parte da paisagem
a labareda do amor

Mas se o tempo é tão covarde
ao mesmo tempo criador

[repete tudo]

Agora já é tarde,
o mundo só mudou de cor,
da escuridão pro esplendor,
o sol do dia vai se pôr,
ao mesmo tempo criador,
na labareda do amor.


Luiza Possi

Agora Já É Tarde

Luiza Possi

Agora Já É Tarde

Agora já é tarde,
não tem 'depois' nem 'antes'
nem planos nem bagagens
o mundo só mudou de cor

Durante a tempestade,
relâmpagos distantes
revelam a passagem
da escuridão pro esplendor

O tempo é tão covarde,
o sol do dia vai se pôr,
mas o fogo ainda arde
nos corações gigantes,
faz parte da paisagem
a labareda do amor

Mas se o tempo é tão covarde
ao mesmo tempo criador

[repete tudo]

Agora já é tarde,
o mundo só mudou de cor,
da escuridão pro esplendor,
o sol do dia vai se pôr,
ao mesmo tempo criador,
na labareda do amor.