Luis Miguel    

POR FAVOR, SENHORA

Letras Luis Miguel / POR FAVOR, SENHORA

POR FAVOR, SENHORA

Luis Miguel

Por favor Señora

Por favor señora no se me ofenda
No desprecio su amor, comprenda
Es Usted muy bella, es Usted perfecta
Pero entienda, que yo busco otra senda

Un amor temprano, olor a fresa
Un amor natural, hierba
Por favor señora no se me ofenda
No la puedo querer, como a ella

Una flor artificial, así es Usted
Fiestas, restaurantes, un concierto a las diez
Y al final de esta función
¿Quién sería yo?
Un joven y oscuro seductor

Por favor señora, no se me ofenda
No deprecio su amor, comprenda
Yo sé lo agradezco pero qué pena
No me gusta el visón, odio las perlas

Una flor artificial, así es Usted
Fiestas, restaurantes, un concierto a las diez
Y al final de esta función
¿Quién sería yo?
Un joven y oscuro seductor

POR FAVOR, SENHORA

Por favor, senhora, não se ofenda
Não deprecio o seu amor, compreenda
A senhora é muito bonita, perfeita
Mas entenda, eu busco outra pessoa

Um amor precoce, cheirando a morango
Um amor natural, erval
Por favor, senhora, não se ofenda
Não te quero como a ela

Uma flor artificial, assim é a senhora
Festas, restaurantes, um concerto às dez
E ao final deste passeio
Quem serei?
Um jovem e obscuro sedutor

Por favor, senhora, não se ofenda
Não deprecio o seu amor, compreenda
Eu agradeço, mas que pena!
Não me agrada o que vejo, odeio as pérolas

Uma flor artificial, assim é a senhora
Festas, restaurantes, um concerto às dez
E ao final deste passeio
Quem serei?
Um jovem e obscuro sedutor...


Luis Miguel

POR FAVOR, SENHORA

Luis Miguel

POR FAVOR, SENHORA

Por favor Señora

Por favor señora no se me ofenda
No desprecio su amor, comprenda
Es Usted muy bella, es Usted perfecta
Pero entienda, que yo busco otra senda

Un amor temprano, olor a fresa
Un amor natural, hierba
Por favor señora no se me ofenda
No la puedo querer, como a ella

Una flor artificial, así es Usted
Fiestas, restaurantes, un concierto a las diez
Y al final de esta función
¿Quién sería yo?
Un joven y oscuro seductor

Por favor señora, no se me ofenda
No deprecio su amor, comprenda
Yo sé lo agradezco pero qué pena
No me gusta el visón, odio las perlas

Una flor artificial, así es Usted
Fiestas, restaurantes, un concierto a las diez
Y al final de esta función
¿Quién sería yo?
Un joven y oscuro seductor

POR FAVOR, SENHORA

Por favor, senhora, não se ofenda
Não deprecio o seu amor, compreenda
A senhora é muito bonita, perfeita
Mas entenda, eu busco outra pessoa

Um amor precoce, cheirando a morango
Um amor natural, erval
Por favor, senhora, não se ofenda
Não te quero como a ela

Uma flor artificial, assim é a senhora
Festas, restaurantes, um concerto às dez
E ao final deste passeio
Quem serei?
Um jovem e obscuro sedutor

Por favor, senhora, não se ofenda
Não deprecio o seu amor, compreenda
Eu agradeço, mas que pena!
Não me agrada o que vejo, odeio as pérolas

Uma flor artificial, assim é a senhora
Festas, restaurantes, um concerto às dez
E ao final deste passeio
Quem serei?
Um jovem e obscuro sedutor...