Luan Santana    

Sogrão Caprichou

Letras Luan Santana / Sogrão Caprichou

Sogrão Caprichou

Luan Santana

No espelho do quarto, prepara o arsenal
Vem de vermelho, tô passando mal
Ela dança envolvente, mexendo a cintura
Mané quando olha derrapa na curva

Faz carinha de santa, despede do pai
Volto cedo, juro! Sogrão, eu cuido
Ele nem imagina o que a filha é capaz
Tem que ser censurado o trupé que ela faz

Perto de papai você é santinha
Quando o sogrão nâo tá, você perde a linha
Perto de papai você é santinha
Quando o sogrão não tá, você perde a linha

Não vai embora não, deita aqui na cama
Se seu pai te perguntar, você tá com Luan Santana
Vou falar bem baixinho, que é pra você saber
Sogrão caprichou na hora de fazer você hein

No espelho do quarto, prepara o arsenal
Vem de vermelho, tô passando mal
Ela dança envolvente, mexendo a cintura
Mané quando olha derrapa na curva

Faz carinha de santa, despede do pai
Volto cedo, juro! Sogrão, eu cuido
Ele nem imagina o que a filha é capaz
Tem que ser censurado o trupé que ela faz

Perto de papai você é santinha
Quando o sogrão nâo tá, você perde a linha
Perto de papai você é santinha
Quando o sogrão não tá, você perde a linha

Não vai embora não, deita aqui na cama
Se seu pai te perguntar, você tá com Luan Santana
Vou falar bem baixinho, que é pra você saber
Sogrão caprichou na hora de fazer você hein


Luan Santana

Sogrão Caprichou

Luan Santana

Sogrão Caprichou

No espelho do quarto, prepara o arsenal
Vem de vermelho, tô passando mal
Ela dança envolvente, mexendo a cintura
Mané quando olha derrapa na curva

Faz carinha de santa, despede do pai
Volto cedo, juro! Sogrão, eu cuido
Ele nem imagina o que a filha é capaz
Tem que ser censurado o trupé que ela faz

Perto de papai você é santinha
Quando o sogrão nâo tá, você perde a linha
Perto de papai você é santinha
Quando o sogrão não tá, você perde a linha

Não vai embora não, deita aqui na cama
Se seu pai te perguntar, você tá com Luan Santana
Vou falar bem baixinho, que é pra você saber
Sogrão caprichou na hora de fazer você hein

No espelho do quarto, prepara o arsenal
Vem de vermelho, tô passando mal
Ela dança envolvente, mexendo a cintura
Mané quando olha derrapa na curva

Faz carinha de santa, despede do pai
Volto cedo, juro! Sogrão, eu cuido
Ele nem imagina o que a filha é capaz
Tem que ser censurado o trupé que ela faz

Perto de papai você é santinha
Quando o sogrão nâo tá, você perde a linha
Perto de papai você é santinha
Quando o sogrão não tá, você perde a linha

Não vai embora não, deita aqui na cama
Se seu pai te perguntar, você tá com Luan Santana
Vou falar bem baixinho, que é pra você saber
Sogrão caprichou na hora de fazer você hein