Lobão    

Pobre Deus

Letras Lobão / Pobre Deus

Pobre Deus

Lobão

Com seus olhos maquiados de pavor
Aterrorizado com seu próprio terror
Deus tenta rezar, tenta rezar
pra quem?
É muita mira pra pouca bala
No escuro, Deus não vê ninguém
Oh! Pobre!
Não sabe mais o que fazer...
Oh! Pobre deus!
Não sabe mais se proteger...
Dúvidas atrozes vêm lhe afligir
Com tanta onipotência para dividir
Essa realidade que é tão cruel
Invade a Deus menino a
ferro e fogo
E agora vive num inferno
no céu
Oh! Pobre!
Não sabe mais se o que fazer...

Não sabe mais, não sabe mais

Quantas noites eu ainda choro
Não sabe mais nem envelhecer
Frágil, vulnerável, tão sozinho
Deus caído...
Oh! Menino Deus!
Não chora Deus...
Isso é apenas nosso mundo
cão
Não chora Deus...
Lágrimas não curam falta de razão,
não, não
Não chora Deus...
Isso é apenas nosso mundo
cão...

Não chora Deus...
Lágrimas não curam falta de razão,
não, não
Não sabe mais, não sabe mais
Quantas noites eu ainda choro
Não mais nem envelhecer
Frágil, vulnerável, tão sozinho
Deus caído...
Oh! Menino Deus

Oh! Menino Deus
Oh! Menino Deus


Lobão

Pobre Deus

Lobão

Pobre Deus

Com seus olhos maquiados de pavor
Aterrorizado com seu próprio terror
Deus tenta rezar, tenta rezar
pra quem?
É muita mira pra pouca bala
No escuro, Deus não vê ninguém
Oh! Pobre!
Não sabe mais o que fazer...
Oh! Pobre deus!
Não sabe mais se proteger...
Dúvidas atrozes vêm lhe afligir
Com tanta onipotência para dividir
Essa realidade que é tão cruel
Invade a Deus menino a
ferro e fogo
E agora vive num inferno
no céu
Oh! Pobre!
Não sabe mais se o que fazer...

Não sabe mais, não sabe mais

Quantas noites eu ainda choro
Não sabe mais nem envelhecer
Frágil, vulnerável, tão sozinho
Deus caído...
Oh! Menino Deus!
Não chora Deus...
Isso é apenas nosso mundo
cão
Não chora Deus...
Lágrimas não curam falta de razão,
não, não
Não chora Deus...
Isso é apenas nosso mundo
cão...

Não chora Deus...
Lágrimas não curam falta de razão,
não, não
Não sabe mais, não sabe mais
Quantas noites eu ainda choro
Não mais nem envelhecer
Frágil, vulnerável, tão sozinho
Deus caído...
Oh! Menino Deus

Oh! Menino Deus
Oh! Menino Deus