Lenine    

A visão de Krishna na forma universal

Letras Lenine / A visão de Krishna na forma universal

A visão de Krishna na forma universal

Lenine

Ó meu senhor de poderosos braços
Todos os mundos e o seus semi-deuses
Vendo teus braços, teus rostos, teus olhos, teus ventres, tuas cochas, teus dentes terríveis
Se apavora?
Eu também?
Quando eu te vejo Vishnu oni presente?
Enchendo o céu com cores radiantes
O teu olhar flameja
E as bocas escancaradas
Fico amedrontado? amedrontado
Não consigo manter a mente firme
Perco todo meu discernimento
Perco todo meu discernimento
Meu discernimento
Deus dos deuses, protetor do mundo
Por favor, dá-me a tua urgencia
Não posso manter meu equilíbrio
Ao ver teu rostos tão resplandecentes
Como se fosse?
As visões da morte com seus dentes terríveis rangendo
Perdi completamente a direção
Perdi completamente a direção


Lenine

A visão de Krishna na forma universal

Lenine

A visão de Krishna na forma universal

Ó meu senhor de poderosos braços
Todos os mundos e o seus semi-deuses
Vendo teus braços, teus rostos, teus olhos, teus ventres, tuas cochas, teus dentes terríveis
Se apavora?
Eu também?
Quando eu te vejo Vishnu oni presente?
Enchendo o céu com cores radiantes
O teu olhar flameja
E as bocas escancaradas
Fico amedrontado? amedrontado
Não consigo manter a mente firme
Perco todo meu discernimento
Perco todo meu discernimento
Meu discernimento
Deus dos deuses, protetor do mundo
Por favor, dá-me a tua urgencia
Não posso manter meu equilíbrio
Ao ver teu rostos tão resplandecentes
Como se fosse?
As visões da morte com seus dentes terríveis rangendo
Perdi completamente a direção
Perdi completamente a direção