Legião Urbana    

Quando Nada Mais

Letras Legião Urbana / Quando Nada Mais

Quando Nada Mais

Legião Urbana

Estou tão longe do meu próprio ego
E nem a solidão me curte mais
A minha cura pode ser seu sim
Minha doença é o seu descaso

Preciso de um dia a seu lado
Pra que tudo se resolva enfim
Eu sei que eu posso ser o seu agrado
É só você cuidar de mim

Porque pensei que nada mais me afetaria
E o presente não seria esses dias de neblina
Quando eu disse adeus às incertezas que me ferem
Não percebi que abria a mão do certo e
Que a certeza aparece quando a gente duvida

Preciso de um dia a seu lado
Pra que tudo se resolva enfim
Eu sei que eu posso ser o seu agrado
É só você cuidar de mim

Sei que a hora é absurda
E essa dor que não me ajuda
Mas entre a dor e o nada
Escolherei a dor

Quando nada mais
Se restar o amor
Quando nada mais
seja como for
Quando nada mais
Quando nada mais
Quando nada...


Legião Urbana

Quando Nada Mais

Legião Urbana

Quando Nada Mais

Estou tão longe do meu próprio ego
E nem a solidão me curte mais
A minha cura pode ser seu sim
Minha doença é o seu descaso

Preciso de um dia a seu lado
Pra que tudo se resolva enfim
Eu sei que eu posso ser o seu agrado
É só você cuidar de mim

Porque pensei que nada mais me afetaria
E o presente não seria esses dias de neblina
Quando eu disse adeus às incertezas que me ferem
Não percebi que abria a mão do certo e
Que a certeza aparece quando a gente duvida

Preciso de um dia a seu lado
Pra que tudo se resolva enfim
Eu sei que eu posso ser o seu agrado
É só você cuidar de mim

Sei que a hora é absurda
E essa dor que não me ajuda
Mas entre a dor e o nada
Escolherei a dor

Quando nada mais
Se restar o amor
Quando nada mais
seja como for
Quando nada mais
Quando nada mais
Quando nada...