Léa Mendonça    

Vaso de Honra

Letras Léa Mendonça / Vaso de Honra

Vaso de Honra

Léa Mendonça

Nem todo barro pode ser vaso
Nem todo vaso é usado por Deus
Tem vaso que é para honra
Tem vaso que rouba a glória de Deus
Mas o vaso nas mãos do oleiro
Não tem aparência, nem mesmo querer
Quando ele ora, o azeite transborda
A Igreja dá glória e Deus manda poder
Se você é esse vaso
Levante as mãos e dê glória
Se você é esse vaso
Levante as mãos e dê glória
Se você é esse vaso
Sim, vai dando glória a Deus
É glória que sobre, é glória que desce
O vaso dá glória, milagre acontece
Olha aí o ministério que chegou agora
O homem de branco mandou a vitória
Olha aí o ministério, é ministério de fogo
Escute uma coisa que vou te dizer
Você não veio aqui por acaso
Um vaso de honra Deus fez de você...


Léa Mendonça

Vaso de Honra

Léa Mendonça

Vaso de Honra

Nem todo barro pode ser vaso
Nem todo vaso é usado por Deus
Tem vaso que é para honra
Tem vaso que rouba a glória de Deus
Mas o vaso nas mãos do oleiro
Não tem aparência, nem mesmo querer
Quando ele ora, o azeite transborda
A Igreja dá glória e Deus manda poder
Se você é esse vaso
Levante as mãos e dê glória
Se você é esse vaso
Levante as mãos e dê glória
Se você é esse vaso
Sim, vai dando glória a Deus
É glória que sobre, é glória que desce
O vaso dá glória, milagre acontece
Olha aí o ministério que chegou agora
O homem de branco mandou a vitória
Olha aí o ministério, é ministério de fogo
Escute uma coisa que vou te dizer
Você não veio aqui por acaso
Um vaso de honra Deus fez de você...