Léa Mendonça    

Insista

Insista

Léa Mendonça

Pode uma mulher esquecer-se do próprio filho? Ainda que isto aconteça, eu jamais
me esquecerei de ti! (Is. 49:15)

Se as portas se fecharem pra você
E o sol não brilhar,
Não vai pensar que Eu esqueci você,
Isso, nem pensar
Se um nó prendeu a tua voz
E não te deixa louvar,
Erguendo tuas mãos,
Insista filho meu,
Use a voz do coração

Clama a mim com o coração
Que Eu te ouvirei,
Clama a mim com o teu viver
Que Eu te exaltarei
Não duvide nunca do Meu amor,
Eu provo aquele que Eu amo, sim
Insista filho meu,
Pode confiar em mim!

Se a dor chegou
Ao ponto de abater o teu espírito,
Posso entender você,
Porque passei por tudo isso,
Mas venci e estou à destra do Meu Pai
Intercedendo por você
Insista filho meu,
Você logo vai vencer!


Léa Mendonça

Insista

Léa Mendonça

Insista

Pode uma mulher esquecer-se do próprio filho? Ainda que isto aconteça, eu jamais
me esquecerei de ti! (Is. 49:15)

Se as portas se fecharem pra você
E o sol não brilhar,
Não vai pensar que Eu esqueci você,
Isso, nem pensar
Se um nó prendeu a tua voz
E não te deixa louvar,
Erguendo tuas mãos,
Insista filho meu,
Use a voz do coração

Clama a mim com o coração
Que Eu te ouvirei,
Clama a mim com o teu viver
Que Eu te exaltarei
Não duvide nunca do Meu amor,
Eu provo aquele que Eu amo, sim
Insista filho meu,
Pode confiar em mim!

Se a dor chegou
Ao ponto de abater o teu espírito,
Posso entender você,
Porque passei por tudo isso,
Mas venci e estou à destra do Meu Pai
Intercedendo por você
Insista filho meu,
Você logo vai vencer!