Kelly Key    

Borboletas/Galera de Peão

Letras Kelly Key / Borboletas/Galera de Peão

Borboletas/Galera de Peão

Kelly Key

Percebo que o tempo já não passa
Você diz que não tem graça amar assim
Foi tudo tão bonito, mas voou pro infinito
Parecido com borboletas de um jardim

Agora você volta
E balança o que eu sentia por outro alguém
Dividido entre dois mundos
Sei que estou amando, mas ainda não sei quem

Não sei dizer o que mudou
Mas, nada está igual
Numa noite estranha a gente se estranha e fica mal
Você tenta provar que tudo em nós morreu
Borboletas sempre voltam
E o seu jardim sou eu

Não sei dizer o que mudou
Mas, nada está igual
Numa noite estranha a gente se estranha e fica mal
Você tenta provar que tudo em nós morreu
Borboletas sempre voltam
E o seu jardim sou eu

A magia está no ar
Vejo fogo na arena
O cavalo a selar
Isso é coisa de cinema

Uma beca invocada
Um pingente no chapéu
Ouço uma oração
Sinto um pedaço do céu

Alô galera de cowboy
Alô galera de peão
Quem gosta de rodeio bate forte com a mão

Sinto o clima
É dia de rodeio
Todo mundo se arrumou
Alegria de um país inteiro
Festa de interior

Uma beca invocada
Um pingente no chapéu
Ouço uma oração
Sinto um pedaço do céu

Alô galera de cowboy
Alô galera de peão
Quem gosta de rodeio bate forte com a mão
Alô galera de cowboy
Alô galera de peão
Quem gosta de rodeio bate forte com a mão

Sinto o clima
É dia de rodeio
Todo mundo se arrumou
Alegria de um país inteiro
Festa de interior

Uma beca invocada
Um pingente no chapéu
Ouço uma oração
Sinto um pedaço do céu

Alô galera de cowboy
Alô galera de peão
Quem gosta de rodeio bate forte com a mão
Alô galera de cowboy
Alô galera de peão
Quem gosta de rodeio bate forte com a mão
Alô galera de cowboy
Alô galera de peão
Quem gosta de rodeio bate forte com a mão
Alô galera de cowboy
Alô galera de peão
Quem gosta de rodeio bate forte com a mão
Alô galera de cowboy
Alô galera de peão
Quem gosta de rodeio bate forte com a mão
Alô galera de cowboy
Alô galera de peão
Quem gosta de rodeio bate forte com a mão


Kelly Key

Borboletas/Galera de Peão

Kelly Key

Borboletas/Galera de Peão

Percebo que o tempo já não passa
Você diz que não tem graça amar assim
Foi tudo tão bonito, mas voou pro infinito
Parecido com borboletas de um jardim

Agora você volta
E balança o que eu sentia por outro alguém
Dividido entre dois mundos
Sei que estou amando, mas ainda não sei quem

Não sei dizer o que mudou
Mas, nada está igual
Numa noite estranha a gente se estranha e fica mal
Você tenta provar que tudo em nós morreu
Borboletas sempre voltam
E o seu jardim sou eu

Não sei dizer o que mudou
Mas, nada está igual
Numa noite estranha a gente se estranha e fica mal
Você tenta provar que tudo em nós morreu
Borboletas sempre voltam
E o seu jardim sou eu

A magia está no ar
Vejo fogo na arena
O cavalo a selar
Isso é coisa de cinema

Uma beca invocada
Um pingente no chapéu
Ouço uma oração
Sinto um pedaço do céu

Alô galera de cowboy
Alô galera de peão
Quem gosta de rodeio bate forte com a mão

Sinto o clima
É dia de rodeio
Todo mundo se arrumou
Alegria de um país inteiro
Festa de interior

Uma beca invocada
Um pingente no chapéu
Ouço uma oração
Sinto um pedaço do céu

Alô galera de cowboy
Alô galera de peão
Quem gosta de rodeio bate forte com a mão
Alô galera de cowboy
Alô galera de peão
Quem gosta de rodeio bate forte com a mão

Sinto o clima
É dia de rodeio
Todo mundo se arrumou
Alegria de um país inteiro
Festa de interior

Uma beca invocada
Um pingente no chapéu
Ouço uma oração
Sinto um pedaço do céu

Alô galera de cowboy
Alô galera de peão
Quem gosta de rodeio bate forte com a mão
Alô galera de cowboy
Alô galera de peão
Quem gosta de rodeio bate forte com a mão
Alô galera de cowboy
Alô galera de peão
Quem gosta de rodeio bate forte com a mão
Alô galera de cowboy
Alô galera de peão
Quem gosta de rodeio bate forte com a mão
Alô galera de cowboy
Alô galera de peão
Quem gosta de rodeio bate forte com a mão
Alô galera de cowboy
Alô galera de peão
Quem gosta de rodeio bate forte com a mão