Juanes    

(Pablo Martín)

Letras Juanes / (Pablo Martín)

(Pablo Martín)

Juanes

Nossa tradução tem menos linhas que a
versão original, ajude-nos a sincronizar.=) fechar

Solo Tus Canciones

Solo tus canciones (Pablo Martín)
Uh, que andarás haciendo
hace ya algún tiempo que no sé de tí y lo siento
Eh! Llámame algún día dime tonterías
me encantaba cuando lo hacías
Y cuando escucho nuestras canciones
no veo escritas las soluciones
veo las penas de los autoresque son las nuestras, que son lasnuestras
Solo tus canciones me parece escuchar son nuestros tesoros en elfondo del mar
dueñas del silencio mojan tus recuerdos
Solo tus canciones me parece escuchar como cada ola de la orilladel mar
vienen un momento mojan tus recuerdos y después se van
Hoy tengo por seguro que no eres tipo duro
pues tiene tu garganta mi nudo
.Vas libre y ocupado
hacia ningún lado se termina tu gasolina,
y aunque nos duelen lo que nos cuentan
hay ocasiones en que nos alegran
compositores y corazones se las inventan, se las inventan
Solo tus canciones...

(Pablo Martín)

Uh, o que andará fazendo
Já faz algum tempo que não de você e sinto
Eh! Me chame algum dia, me diga bobagens
Me encantava quando o fazia
E quando escuto nossas canções
Não vejo nas escritas soluções
Vejo as penas dos autores que são as nossa, que são as nossas
Só suas canções parecem me escutar são nossos tesouros no fundo do mar
Dona do silêncio molham suas lembranças
Só suas canções me parece escutar como cada canto do mar
Vêm um momento molham suas lembranças e depois se vão.
Hoje tenho certo que não é tipo duro
Pois tem sua graganta o meu nó
Vai livre e ocupado
Fazia nenhum lado se termina sua gasolina,
E ainda que nos dóem o que nos contam
Há ocasiões em que nos alegram
Compositores e corações as inventam, as inventam
Só suas canções...


Juanes

(Pablo Martín)

Juanes

(Pablo Martín)

Nossa tradução tem menos linhas que a
versão original, ajude-nos a sincronizar.=) fechar

Solo Tus Canciones

Solo tus canciones (Pablo Martín)
Uh, que andarás haciendo
hace ya algún tiempo que no sé de tí y lo siento
Eh! Llámame algún día dime tonterías
me encantaba cuando lo hacías
Y cuando escucho nuestras canciones
no veo escritas las soluciones
veo las penas de los autoresque son las nuestras, que son lasnuestras
Solo tus canciones me parece escuchar son nuestros tesoros en elfondo del mar
dueñas del silencio mojan tus recuerdos
Solo tus canciones me parece escuchar como cada ola de la orilladel mar
vienen un momento mojan tus recuerdos y después se van
Hoy tengo por seguro que no eres tipo duro
pues tiene tu garganta mi nudo
.Vas libre y ocupado
hacia ningún lado se termina tu gasolina,
y aunque nos duelen lo que nos cuentan
hay ocasiones en que nos alegran
compositores y corazones se las inventan, se las inventan
Solo tus canciones...

(Pablo Martín)

Uh, o que andará fazendo
Já faz algum tempo que não de você e sinto
Eh! Me chame algum dia, me diga bobagens
Me encantava quando o fazia
E quando escuto nossas canções
Não vejo nas escritas soluções
Vejo as penas dos autores que são as nossa, que são as nossas
Só suas canções parecem me escutar são nossos tesouros no fundo do mar
Dona do silêncio molham suas lembranças
Só suas canções me parece escutar como cada canto do mar
Vêm um momento molham suas lembranças e depois se vão.
Hoje tenho certo que não é tipo duro
Pois tem sua graganta o meu nó
Vai livre e ocupado
Fazia nenhum lado se termina sua gasolina,
E ainda que nos dóem o que nos contam
Há ocasiões em que nos alegram
Compositores e corações as inventam, as inventam
Só suas canções...