Johnny Cash    

Relógio do Meu Avô

Letras Johnny Cash / Relógio do Meu Avô

Relógio do Meu Avô

Johnny Cash

My Grandfather's Clock

My grandfather's clock was too large for the shelf
So it stood ninety years on the floor
It was taller by half than the old man himself
Though it weighed not a penniweight more
It was bought on the morn of the day that he was born
And was always his treasure and pride
But it stopped short never to go again when the old man died
Ninety years without slumbering his life second's numbering
It stopped short never to go again when the old man died
My grandfather said that of those he could hire
Not a servant so faithful he found
For it wasted no time and had but one desire
At the close of each week to be wound
And it kept in its place not a frown upon its face
And its hands never hung by its side
But it stopped short never to go again when the old man died
It rang and alarmed in the dead of the night
An alarm that for years had been dumb
And we knew that his spirit was plumbing for flight
That his hour for departure had come
Still the clock kept the time with a soft and muffled chime
As we silently stood by his side
But it stopped short never to go again when the old man died
Ninety years without slumbering...

Relógio do Meu Avô

Relógio do meu avô era muito grande para a prateleira
Por isso, ficou 90 anos no chão
Ele era mais alto pela metade do que o velho se
Embora não pesava mais uma penniweight
Ele foi comprado na manhã do dia que ele nasceu
E foi sempre o seu tesouro e orgulho
Mas não chegou nunca a ir de novo quando o velho morreu
Noventa anos sem numeração slumbering sua segunda vida
Ele não chegou nunca a ir de novo quando o velho morreu
Meu avô disse que daqueles que ele poderia contratar
Não um servo tão fiel que encontrou
Para ele não perdeu tempo e tinha apenas um desejo
No final de cada semana para ser ferida
E manteve-se em seu lugar não frown um, a sua face
E nunca as mãos pendurados ao seu lado
Mas não chegou nunca a ir de novo quando o velho morreu
Tocou e alarmado na calada da noite
Um alarme que por anos tinha sido burro
E sabíamos que o seu espírito foi para o vôo de encanamento
Que a sua hora havia chegado para a partida
Ainda o relógio manteve o tempo com um pano macio e abafado chime
À medida que ficou em silêncio ao seu lado
Mas não chegou nunca a ir de novo quando o velho morreu
Noventa anos sem adormecido ...


Johnny Cash

Relógio do Meu Avô

Johnny Cash

Relógio do Meu Avô

My Grandfather's Clock

My grandfather's clock was too large for the shelf
So it stood ninety years on the floor
It was taller by half than the old man himself
Though it weighed not a penniweight more
It was bought on the morn of the day that he was born
And was always his treasure and pride
But it stopped short never to go again when the old man died
Ninety years without slumbering his life second's numbering
It stopped short never to go again when the old man died
My grandfather said that of those he could hire
Not a servant so faithful he found
For it wasted no time and had but one desire
At the close of each week to be wound
And it kept in its place not a frown upon its face
And its hands never hung by its side
But it stopped short never to go again when the old man died
It rang and alarmed in the dead of the night
An alarm that for years had been dumb
And we knew that his spirit was plumbing for flight
That his hour for departure had come
Still the clock kept the time with a soft and muffled chime
As we silently stood by his side
But it stopped short never to go again when the old man died
Ninety years without slumbering...

Relógio do Meu Avô

Relógio do meu avô era muito grande para a prateleira
Por isso, ficou 90 anos no chão
Ele era mais alto pela metade do que o velho se
Embora não pesava mais uma penniweight
Ele foi comprado na manhã do dia que ele nasceu
E foi sempre o seu tesouro e orgulho
Mas não chegou nunca a ir de novo quando o velho morreu
Noventa anos sem numeração slumbering sua segunda vida
Ele não chegou nunca a ir de novo quando o velho morreu
Meu avô disse que daqueles que ele poderia contratar
Não um servo tão fiel que encontrou
Para ele não perdeu tempo e tinha apenas um desejo
No final de cada semana para ser ferida
E manteve-se em seu lugar não frown um, a sua face
E nunca as mãos pendurados ao seu lado
Mas não chegou nunca a ir de novo quando o velho morreu
Tocou e alarmado na calada da noite
Um alarme que por anos tinha sido burro
E sabíamos que o seu espírito foi para o vôo de encanamento
Que a sua hora havia chegado para a partida
Ainda o relógio manteve o tempo com um pano macio e abafado chime
À medida que ficou em silêncio ao seu lado
Mas não chegou nunca a ir de novo quando o velho morreu
Noventa anos sem adormecido ...