John Lennon    

Nascido Em Uma Prisão

Letras John Lennon / Nascido Em Uma Prisão

Nascido Em Uma Prisão

John Lennon

Born In A Prison

We are born in a prision,
raised in a prision
Send to a prision called school,

We cry in a prision,
We love in a prision,
We live in a prision,
like fools.

Wood becomes a flut when
it's loved,
reach for your self and your
battered mates.
Mirror becomes a razor when
it's broken,
Look in a mirror and see
your shattered fate.

We live with no reason,
Kicked around for no reason,
Thrown out without reason
like tools.

Work in a prision
And hate in aprision
And die in a prision
as a rule.

We live in a prision
Among judges and wardnes
And wait for no reason or use
We laugh in a prision,
Go through all four seasons
And die with no vision
or truth

Nascido Em Uma Prisão

Nós nascemos numa prisão,
Criados em uma prisão,
Mandados para uma prisão chamada escola,

Nós choramos numa prisão,
Amammos numa prisão,
Vivemos numa prisão,
Como bobos.

Madeira vira uma flauta
Quando é amada,
Alcance por si mesmo
E seus companheiros maltratados.
Espelho vira lâmina quando
É quebrado,
Olhe no espelho e veja
Seu destino destruído

Nós vivemos sem razão,
Chutados sem razão,
Jogados fora sem razão,
Como ferramentas.

Trabalhe numa prisão
E odeie numa prisão
E morra numa prisão
Como regra.

Nós vivemos numa prisão
Com juízes e diretores
E esperamos sem razão ou utilidade
Nós rimos numa prisão,
Passamos as quatro estações
E morremos sem visão
Ou verdade


John Lennon

Nascido Em Uma Prisão

John Lennon

Nascido Em Uma Prisão

Born In A Prison

We are born in a prision,
raised in a prision
Send to a prision called school,

We cry in a prision,
We love in a prision,
We live in a prision,
like fools.

Wood becomes a flut when
it's loved,
reach for your self and your
battered mates.
Mirror becomes a razor when
it's broken,
Look in a mirror and see
your shattered fate.

We live with no reason,
Kicked around for no reason,
Thrown out without reason
like tools.

Work in a prision
And hate in aprision
And die in a prision
as a rule.

We live in a prision
Among judges and wardnes
And wait for no reason or use
We laugh in a prision,
Go through all four seasons
And die with no vision
or truth

Nascido Em Uma Prisão

Nós nascemos numa prisão,
Criados em uma prisão,
Mandados para uma prisão chamada escola,

Nós choramos numa prisão,
Amammos numa prisão,
Vivemos numa prisão,
Como bobos.

Madeira vira uma flauta
Quando é amada,
Alcance por si mesmo
E seus companheiros maltratados.
Espelho vira lâmina quando
É quebrado,
Olhe no espelho e veja
Seu destino destruído

Nós vivemos sem razão,
Chutados sem razão,
Jogados fora sem razão,
Como ferramentas.

Trabalhe numa prisão
E odeie numa prisão
E morra numa prisão
Como regra.

Nós vivemos numa prisão
Com juízes e diretores
E esperamos sem razão ou utilidade
Nós rimos numa prisão,
Passamos as quatro estações
E morremos sem visão
Ou verdade