João Mineiro e Marciano    

Fui Homem Demais

Letras João Mineiro e Marciano / Fui Homem Demais

Fui Homem Demais

João Mineiro e Marciano

Eu já sofri, já chorei,
Revirei minha vida;
Tentei achar a saída,
Tirar do peito a paixão.

Eu já andei pelas noites,
Em busca de abrigo;
Dei murros de ódio, já briguei comigo,
Já magoei meu coração.

Eu já feri meu amor,
Suportei sofrimentos;
Já sufoquei sentimentos,
Fui homem demais.

Eu já andei pelas ruas, perdido no tempo,
Confuso e arrasado, ferido por dentro;
Me machuquei,
Amei demais.


O que eu senti por você,
Foi amor, foi ternura;
Foi um pouco de tudo,
Foi a doce loucura,
Foi desejo maior que já suportei.

O que eu sofri sem você,
Foi horrível saudade;
Foi paixão violenta, infelicidade,
Foi a barra pesada que não segurei.
Que não segurei.


João Mineiro e Marciano

Fui Homem Demais

João Mineiro e Marciano

Fui Homem Demais

Eu já sofri, já chorei,
Revirei minha vida;
Tentei achar a saída,
Tirar do peito a paixão.

Eu já andei pelas noites,
Em busca de abrigo;
Dei murros de ódio, já briguei comigo,
Já magoei meu coração.

Eu já feri meu amor,
Suportei sofrimentos;
Já sufoquei sentimentos,
Fui homem demais.

Eu já andei pelas ruas, perdido no tempo,
Confuso e arrasado, ferido por dentro;
Me machuquei,
Amei demais.


O que eu senti por você,
Foi amor, foi ternura;
Foi um pouco de tudo,
Foi a doce loucura,
Foi desejo maior que já suportei.

O que eu sofri sem você,
Foi horrível saudade;
Foi paixão violenta, infelicidade,
Foi a barra pesada que não segurei.
Que não segurei.