João Mineiro e Marciano    

Desprezo do Amor

Letras João Mineiro e Marciano / Desprezo do Amor

Desprezo do Amor

João Mineiro e Marciano

Meu bem não veio ontem ao encontro combinado
Sai desesperado afogado em minha dor
Não sei quantas boates pela noite percorri
Só sei que amanheci desesperado de amor.
O sono me provoca, mas eu não irei dormir
Enquanto não ouvir meu amor falar comigo
Que valem os conselhos que ouvi pela cidade
Se morro de saudade e esquecê-la não consigo.

Sem ela a meu lado não conheço a vitória
Dinheiro, fama ou gloria nada mais me satisfaz
Eu quero meu benzinho, minha linda estrela guia
Meu mundo de alegria minha vida, minha paz.

Meus caros companheiros não me peçam pra cantar
Mas queiram propagar esse sentimento meu
Repitam minha história para toda essa gente
Cantando novamente a esquina do adeus.
Agora que amanhece mais aumenta o meu tédio
Só tenho um remédio para minha solidão
Então irei em busca do amor de minha vida
A menina mais querida que me dá inspiração.


João Mineiro e Marciano

Desprezo do Amor

João Mineiro e Marciano

Desprezo do Amor

Meu bem não veio ontem ao encontro combinado
Sai desesperado afogado em minha dor
Não sei quantas boates pela noite percorri
Só sei que amanheci desesperado de amor.
O sono me provoca, mas eu não irei dormir
Enquanto não ouvir meu amor falar comigo
Que valem os conselhos que ouvi pela cidade
Se morro de saudade e esquecê-la não consigo.

Sem ela a meu lado não conheço a vitória
Dinheiro, fama ou gloria nada mais me satisfaz
Eu quero meu benzinho, minha linda estrela guia
Meu mundo de alegria minha vida, minha paz.

Meus caros companheiros não me peçam pra cantar
Mas queiram propagar esse sentimento meu
Repitam minha história para toda essa gente
Cantando novamente a esquina do adeus.
Agora que amanhece mais aumenta o meu tédio
Só tenho um remédio para minha solidão
Então irei em busca do amor de minha vida
A menina mais querida que me dá inspiração.