João Mineiro e Marciano    

Cama Dividida

Cama Dividida

João Mineiro e Marciano

Meu Deus, eu fiz de tudo pra viver com ela
E de repente o amor saiu pela janela
E dói demais ver tudo fora do lugar
Amei, amei de um jeito de quem ama a própria vida
A hoje vejo nossa cama dividida
E a solidão de malas prontas pra voltar.

Meu Deus essa mulher não sabe o mal que ela me fez
Abriu a porta e foi embora de uma vez
Sem me dizer uma palavra, um adeus...
Meu Deus to pedindo, me de forças nessa hora,
To em pedaços e mais nada me consola
Vejo a tristeza que se encontra os olhos meus.

Perdão, eu já pedi, mas não valeu
Tentei falar de amor, mas foi em vão
Pedi pra ela voltar pos braços meus
Mas ela simplesmente disse não
Me diz o que fazer se esse amor
Virou obsessão e não tem cura
Se a solidão voltar
Eu sei que vai me levar a loucura.


João Mineiro e Marciano

Cama Dividida

João Mineiro e Marciano

Cama Dividida

Meu Deus, eu fiz de tudo pra viver com ela
E de repente o amor saiu pela janela
E dói demais ver tudo fora do lugar
Amei, amei de um jeito de quem ama a própria vida
A hoje vejo nossa cama dividida
E a solidão de malas prontas pra voltar.

Meu Deus essa mulher não sabe o mal que ela me fez
Abriu a porta e foi embora de uma vez
Sem me dizer uma palavra, um adeus...
Meu Deus to pedindo, me de forças nessa hora,
To em pedaços e mais nada me consola
Vejo a tristeza que se encontra os olhos meus.

Perdão, eu já pedi, mas não valeu
Tentei falar de amor, mas foi em vão
Pedi pra ela voltar pos braços meus
Mas ela simplesmente disse não
Me diz o que fazer se esse amor
Virou obsessão e não tem cura
Se a solidão voltar
Eu sei que vai me levar a loucura.