João Mineiro e Marciano    

Bolero

Bolero

João Mineiro e Marciano

Me manda embora
E na mesma hora
Me pede pra ficar

Desse jeito eu fico
E brigo comigo
Pra não te perdoar

Quando estou distante
E bate a saudade
Só penso em voltar

Estou em seus braços
E não vejo a hora
De me afastar

Bolero
A nossa vida tá virando um bolero
Me ama
Chora e reclama mas depois diz mas eu te quero
Bolero
Estamos sempre divididos pelo meio
Sei que te amo
E ao mesmo tempo sem querer eu te odeio

Te faço um carinho
Recebo um espinho
Pra me machucar

E no mesmo momento
Eu te nego um beijo
E te faço chorar

E mesmo sorrindo
Me falta um pedaço
Preciso de você

Estamos juntinhos
Mas sempre sozinhos
Sem saber o porque


João Mineiro e Marciano

Bolero

João Mineiro e Marciano

Bolero

Me manda embora
E na mesma hora
Me pede pra ficar

Desse jeito eu fico
E brigo comigo
Pra não te perdoar

Quando estou distante
E bate a saudade
Só penso em voltar

Estou em seus braços
E não vejo a hora
De me afastar

Bolero
A nossa vida tá virando um bolero
Me ama
Chora e reclama mas depois diz mas eu te quero
Bolero
Estamos sempre divididos pelo meio
Sei que te amo
E ao mesmo tempo sem querer eu te odeio

Te faço um carinho
Recebo um espinho
Pra me machucar

E no mesmo momento
Eu te nego um beijo
E te faço chorar

E mesmo sorrindo
Me falta um pedaço
Preciso de você

Estamos juntinhos
Mas sempre sozinhos
Sem saber o porque