João Mineiro e Marciano    

A Bailarina

A Bailarina

João Mineiro e Marciano

Ela era quase criança nos sonhos bons de menina
Queria ser bem famosa queria ser bailarina
E despediu-se bem nova contra a vontade dos pais
E foi tentar a carreira não retornou nunca mais

(Para contar sua história não preciso tanto
Ela foi sempre enganada e as coisas mudaram
No fim perdeu a carreira tornou-se na vida
Uma famosa amante que todos amaram

A bailarina venceu e tem fama demais
Apenas é diferente o caminho porém
Ela não dança no palco recebe um por vez
Naquele quarto bonito a platéia vem)

De vez em quando ela chora lembra do sonho passado
Pois se soubesse de tudo ela não tinha tentado
Nesse bailado de agora é muito triste a canção
Abraça o fã que lhe paga a fama foi ilusão


João Mineiro e Marciano

A Bailarina

João Mineiro e Marciano

A Bailarina

Ela era quase criança nos sonhos bons de menina
Queria ser bem famosa queria ser bailarina
E despediu-se bem nova contra a vontade dos pais
E foi tentar a carreira não retornou nunca mais

(Para contar sua história não preciso tanto
Ela foi sempre enganada e as coisas mudaram
No fim perdeu a carreira tornou-se na vida
Uma famosa amante que todos amaram

A bailarina venceu e tem fama demais
Apenas é diferente o caminho porém
Ela não dança no palco recebe um por vez
Naquele quarto bonito a platéia vem)

De vez em quando ela chora lembra do sonho passado
Pois se soubesse de tudo ela não tinha tentado
Nesse bailado de agora é muito triste a canção
Abraça o fã que lhe paga a fama foi ilusão