João Bosco    

Saída de Emergência

Letras João Bosco / Saída de Emergência

Saída de Emergência

João Bosco

Dia e noite
(como posso)
Explicar
Meu bem?)
Busco a saída
De emergência
Sem achar
Sem ao menos
Escutar você mentir
Como é que eu posso conseguir
Dormir?
Na vida que tracei
Alguns meses atrás
Já não cabia cataclismas mais
Sua boca
Tem um jeito
De fundir
O mais profundo
Ao superficial
Nos seus olhos
E maneira
De sorrir
Eu vi
O impossível
O possível
O real
Sem ao menos escutar você mentir pra mim
Me diz meu bem
Como é que eu faço pra dormir?


João Bosco

Saída de Emergência

João Bosco

Saída de Emergência

Dia e noite
(como posso)
Explicar
Meu bem?)
Busco a saída
De emergência
Sem achar
Sem ao menos
Escutar você mentir
Como é que eu posso conseguir
Dormir?
Na vida que tracei
Alguns meses atrás
Já não cabia cataclismas mais
Sua boca
Tem um jeito
De fundir
O mais profundo
Ao superficial
Nos seus olhos
E maneira
De sorrir
Eu vi
O impossível
O possível
O real
Sem ao menos escutar você mentir pra mim
Me diz meu bem
Como é que eu faço pra dormir?